Conversa - YabloG!

Conversa

março 28th, 2005 | Por Fábio Yabu em Crônicas

Eu queria falar com você há tanto tempo…

Bom dia! Oi! O que você acha? Olha… Boa noite… até amanhã.

Tanta coisa que eu te disse sem você estar lá. Coisas importantes, bobagens, piadas, fofocas. Não precisava ter falado, mas eu falei e de alguma forma eu achava que você iria escutar.

De alguma forma eu acreditava, como eu antes acreditava que a capa do Super-Homem era um tapete mágico, que a gente vivia no centro do planeta, que o mundo tinha no máximo 20 anos e que inglês era português ao contrário.

Depois de tanto tempo, de tanta coisa dita e não dita, acabei gastando as palavras. O assunto não acabou, mas as palavras sim. Contraditório para um escritor, não?

O fato é que eu ainda tenho tanta coisa pra te dizer. Sobre os meus pais, meus irmãos, a minha vida. As pessoas com quem conectei, as vezes que sorri, que chorei, que toquei almas que hoje não estão mais aqui. Eu queria te falar sobre o amor e tudo que descobri sobre ele. O quanto Shakespeare arruinou meus dias com suas idéias desiludidas, e no quanto eu teimei e ainda teimo em acreditar nesses dois últimos.

Queria te contar tudo o que fiz numa vez que resolvi andar em linha reta e só fui parar 10 quilômetros depois. Da vez que fechei meus olhos e vi uma enorme luz branca me envolvendo, do barato natural que deu em mim quando sentei em flor de lótus e tentei ver o amor.

Das pazes que fiz, das desculpas que pedi, e da meia dúzia de gatos-pingados que ainda não me convenceram. Das músicas da Lisa Loeb que ouvia em loop, dos filmes que eu deixava tocando no DVD enquanto eu trabalhava, só pra poder ouvir os diálogos, over and over again.

Queria comentar com você sobre os filmes que vi. Sobre os que quero fazer e sobre os papéis de desisti de representar.

Também te dizer o quanto você é importante para mim, mesmo que eu tenha deixado de acreditar em você.

Mas eu vou continuar te procurando.

Quando eu achar, vamos ter muito o que conversar.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 Both comments and pings are currently closed.

2 Comentários

  • Rafael Seiji says:

    Talvez eu esteja atrasado pra comentar nesse post. Muito atrasado eu diria. Mas no podia deixar de comentar nesse post que li e reli tantas vezes…. engraado como essas coisas que escrevemos para ns mesmos, se identifique com os outros tambm n Fabio? Valeu pelo texto! Lindo dude :)

  • C says:

    dificil achar coisas legais assim na internet. sabe, aquele tipo de coisa que vc l e pensa: ‘putz… fez meu dia’.



  • Twitter
  • Facebook
  • YouTube