YabloG! - Tag Archive - miles straume

Lost: o maior dos mistérios

abril 16th, 2009 | Posted by Fábio Yabu in Resenhas - (16 Comments)

Pois é, nunca elogie uma série. Foi só rasgar a seda pra Lost que parece que a coisa desandou. Os três últimos episódios foram bem fracos e tiveram aquele cheirinho de enrolação que nenhum fã gosta. A partir daqui, believers e não-believers, tem spoilers.

Começou com o episódio da Kate, que, coitada, não dá sorte mesmo. Teve aquele flashback meio sem propósito mostrando que ela ficou toda miguxa da ex do Sawyer. Contou pra ela tudo o que aconteceu: “Miguxa, você não sabe! Tava eu lá na Austrália, vendo Princesas do Mar, fui presa e o avião me cai numa ilha perdida no espaço-tempo, com um monstro de fumaça, uns malucos que mataram os malucos que trabalhavam lá antes deles, daí vieram outros malucos tentando nos matar, a ilha sumiu, e agora eu tô aqui, podre de rica usando Dolce e Gabbana! Rá!” E a ex do Sawyer ouviu tudo numa boa, sem nem se abalar, como se estivesse ouvindo as notícias do dia.

Aí eles me revelam que, depois de ficar três anos mentindo literalmente pro mundo inteiro, a Kate vacila e o Aaron sai andando no supermercado com uma loira qualquer. Pronto, ela pira, resolve contar a verdade pra mãe da Claire e voltar pra ilha! Quando ela, Jack e Hurley me chegam lá, ouvem a notícia de que voltaram 30 anos no passado na maior tranquilidade. Reconheço que a princípio achei a idéia excelente, mas os paradoxos criados a partir daí deixaram tudo muito esquisito.

Eu sempre me perguntei o quanto os roteiristas/produtores sabiam de toda a história. Depois desses episódios, ficou bem claro que eles não sabem tanta coisa assim. O lance do Ben convenientemente perder a memória ao ser curado pelo Richard é um indício. Depois de adulto, o mesmo jovem Ben que havia ajudado a MATAR TODA A INICIATIVA DHARMA, incluindo o próprio PAI, ficou com pena de matar a Rousseau porque ela tinha um bebê. Eles não viram esse episódio?????

Foi revelado mais sobre o monstro de fumaça. Além de fazer aquela algazarra toda, ele lê mentes e se transforma em pessoas, como o irmão de Mr. Eko e, provavelmente, Waaaalt e o pai do Jack. Mas, se o bicho é a vontade da ilha, e queria que os Oceanic Six voltassem, por que ele deixou que eles saíssem?? Fora que o Aaron ficou de fora e parece que ninguém ligou muito – nem o tal do monstro. Então pra quê, Jesus amado, PRA QUÊ aquele trampo todo?

Enfim. Com a queda do segundo avião, outro mistério surgiu: o que tem na sombra da estátua? Não entendeu? Nem eu, mas parece que os outros passageiros do avião também não estavam lá por acaso. Uma coisa é certa: eles não trabalham para Charles Widmore, antigo líder dos The Others, cuja rixa com Ben foi finalmente explicada. Será que trabalham pro Ben? Ou será que fazem parte de um terceiro (!?!) grupo?

Depois teve a história do Miles. Como se suspeitava desde o final da quarta temporada, ele e Charlotte nasceram na ilha. O japinha é filho do Dr. Cheung, vulgo Marvin Candle, personagem importante na mitologia da série.  Mas então, por que diabos ela morreu com as viagens temporais e ele não? E a maior de todas as dúvidas: por que tanta gente diz que ele é a minha cara??? Até já me pararam na rua pra falar isso! Eu, hein?

miles
Viu, só? NADA A VER! NADA… eu acho.

Bom, quem lê o blog há algum tempo sabe que eu sou meio volátil. Uma hora amo, outra hora odeio Lost. Eu confesso que, prestes a assistir ao CENTÉSIMO episódio, meu coração tá dando uma balançada… a sensação que tenho depois dos três últimos é que tem muita história legal, muitos personagens interessantes, mas trama demais e tempo de menos, o que deixa as tradicionais enroladas ainda mais insuportáveis. Em três semanas, saberemos se a quinta temporada valeu a pena, ou não! Depois, meu amigo, só ano que vem! Argh!!

  • Twitter
  • Facebook
  • YouTube